Noticias

Café com poesia: Grupo Utam apoia o Revolução Poética Festival de Ideias

A poesia como ferramenta de consciência crítica, arte, entretenimento e reflexão. São esses os principais propósitos do projeto “Revolução Poética – Festival de Ideias”, que será realizado entre os dias 25 e 27 de abril, das 19 às 23 horas, com transmissão ao vivo na plataforma digital da Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto (www.fundacaodolivroeleiturarp.com) e em seus canais nas redes sociais.

Promovido pela Fundação do Livro e Leitura  de Ribeirão Preto, o evento contará com a participação de diversos artistas e intelectuais ligados à poesia e a manifestações relacionadas ao fazer poético, além de profissionais ligados aos setores de cultura, audiovisual e comunicação.

Ao todo, mais de 100 profissionais, entre palestrantes, mediadores, mestres de cerimônia, artistas de diversas áreas, produtores, diretores, assistentes, jornalistas e intérpretes de Libras participarão do evento. 

O “Revolução Poética” será transmitido direto do palco do Instituto SEB – A Fábrica, em Ribeirão Preto, interior de São Paulo, sem público na plateia, com a mínima participação de profissionais no ambiente físico em cada noite, seguindo a um rígido protocolo de segurança. “Serão apenas 20 profissionais por dia de evento no mesmo local, entre artistas, debatedores e técnicos. Os palestrantes, assim como o público, estarão em suas casas, participando e acompanhando virtualmente”, apresenta a produtora Priscila Prado, do Núcleo de Programação e Produção da Fundação.

Toda equipe que atuará no festival contará com café espresso Utam Gourmet extraído pela máquina Saeco Oficce, instalada no espaço pelo Grupo Utam. A indústria tem sido parceira de diversos eventos da Fundação do Livro e Leitura nos últimos anos.

Segundo a diretora do grupo, Ana Carolina Soares de Carvalho, a empresa valoriza a importância do setor cultural brasileiro e procurou, com essa ação, proporcionar momentos de descontração à equipe produtora do evento. “Nossa empresa incentiva a realização do Festival de Ideias que traz cultura para o país em um momento tão difícil para o setor cultural e para a população, por conta da pandemia. Acreditamos que nada mais apropriado para uma boa reflexão do que uma xícara de café”, afirma.

Poesias e utopias
Na programação do Revolução Poética estão confirmados nomes como Coletiva Sarau DisseMinas, Ni Brisant, Leser MC, Leo Otero, Alma - Academia Livre de Artes e Música, Tânia Alonso, Thais Foresto, De Lucca Circus, Alfredo Pena-Vega, Maria Adélia de Souza, Philip Fearnside, Zuenir Ventura, Alexandre Ribeiro e Manuela Salau Brasil.

Segundo a presidente Dulce Neves, “o objetivo da Fundação do Livro e Leitura é valorizar a poesia como linguagem e manifestação artística e apontar um caminho para a formação de leitores conscientes e críticos, bem como propiciar cultura de qualidade durante a pandemia do novo Coronavírus”. A entidade também visa estimular o público a consumir arte e cultura, dentro de casa, cumprindo a necessidade de distanciamento e isolamento sociais.

O projeto tem em sua base as ideias e reflexões do antropólogo, filósofo e sociólogo francês Edgar Morin, homenageado especial da 20º edição da FIL – Feira Internacional do Livro, promovida pela Fundação do Livro e Leitura.  Segundo o autor em sua obra “A Via”, a vida estaria dividida entre o estado prosaico, em que se encaixariam o trabalho, a rotina e as atividades frias e mecânicas; e o estado poético, de grande carga emocional, em que as artes são o cerne e o fim.

Adriana Silva, curadora da 20ª Feira Internacional do Livro e Leitura de Ribeirão Preto (FIL), vice-presidente da Fundação e idealizadora do projeto, afirma que o festival coloca em evidência o poder da poesia que, segundo ela, nada mais é do que o poder da palavra crítica. A curadora expressa que fazer o Revolução Poética, em homenagem a Edgar Morin, é uma oportunidade de permitir que as pessoas entendam sua frase, quando diz: “todos os homens referindo-se à humanidade, aos seres humanos na sua forma mais ampla, necessitam de poesia”. 

O “Revolução Poética – Festival de Ideias” foi contemplado pelo edital ProAc Expresso LAB 40/2020 criado através da Lei Aldir Blanc. Trata-se de um projeto realizado pelo Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa, Instituto SEB e Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto.

SERVIÇO
O que: “Revolução Poética - Festival de Ideias”
Data: 25 a 27 de abril de 2021
Horário: 19h às 23h
Transmissão: www.fundacaodolivroeleiturarp.com e nos seus canais nas redes sociais.

Programação completa:
25 de abril – domingo
Tema: “Sobre as velhas utopias”

- Documentário "Pioneira Luta", de Leo Otero | a partir das 19h
- Debate sobre o tema com Philip Fearnside (ecólogo) | a partir das 19h30

- Mestre de Cerimônia e debatedora: Dulce Neves
- Debatedores: Marcela Cury Petenusci, Daniel Bellissimo e Isabela Luciano.

Tema: “Sobre as novas utopias”
- “Conglomerados utópicos, distópicas paisagens”, com Academia Livre de Música e Artes - Alma | a partir das 21h
- Debate sobre o tema com Zuenir Ventura (jornalista e escritor) | a partir das 21h30

- Mestre de Cerimônia e debatedora: Dulce Neves
Debatedores: Yara Racy, Dr. Marcos Câmara de Castro e Rhaianne Aguiar.

26 de abril – segunda-feira
Tema: “A utopia realizada”

- “Cidade das Mulheres”, com Tânia Alonso e Thais Foresto (contadoras de histórias) | a partir das 19h
- Debate sobre o tema com Alexandre Ribeiro (escritor) | a partir das 19h30

- Mestre de Cerimônia e debatedora: Viviane Mendonça
- Debatedores: Ana Elídia Torres, Tânia Alonso e Larissa Aires.

Tema: “A maior das utopias”
- “Devaneios”, com De Lucca Circus | a partir das 21h
- Debate sobre o tema com Manuela Salau Brasil (coordenadora técnica da IESol/UEPG) | a partir das 21h30

- Mestre de Cerimônia e debatedora: Viviane Mendonça
- Debatedores: Marília Migliorini, Lucas Santarosa e Pedro Augusto.

27 de abril – terça-feira
Tema: “Necessidades poéticas do ser humano – Utopia?”

-Vozes Bússolas: Poesia como arte do risco”, com Coletiva de Rua Sarau DisseMinas e Ni Brisant (educador e escritor) | a partir das 19h
- Debate sobre o tema com Alfredo Pena-Vega (sociólogo, professor e pesquisador do Centre Edgar Morin) | a partir das 19h30

- Mestre de Cerimônia e debatedora: Adriana Silva
- Debatedores: Maria de Fatima Costa Mattos, Ni Brisant e Brenda Falcão.

Tema: “Por uma outra globalização – Entre utopias e distopias”
- “Do lado de cá”, com Leser MC (músico e produtor cultural) | a partir das 21h
- Debate sobre o tema com Maria Adélia de Souza (professora universitária e geógrafa) | a partir das 21h30

- Mestre de Cerimônia e debatedora: Adriana Silva
- Debatedores: João Flávio de Almeida, Elieser Pereira e Mikael Alerrandro.

Publicado em: 23/04/2021 por Café UTAM S.A.

Ultimas Notícias

Acontece de 13 a 17 de setembro a  Fispal Food Service 2021,  considerada a maior feira da América Latina para o setor de alimentação fora do...
Veja Mais.

Neste sábado (11), acontece a  #ViradaSP Online 2021, em parceria com Ribeirão Preto. O município foi selecionado a partir de chamada pública do...
Veja Mais.

Acontece em Ribeirão Preto, no interior de São Paulo, desde o dia 20 de agosto, a 20ª FIL - Feira Internacional do Livro de Ribeirão Preto, evento que...
Veja Mais.

Copyright © 2021 Café Utam
Telefone:
Matriz: Ribeirão Preto - SP – 16 2101 3101
Filial: Piumhi - MG – 37 3371 2544
São Paulo - 11 3660 1760
Belo Horizonte - 31 3416 7774
Informações da Empresa | Contato
logo PI